Notícia - CSI busca formar rede de parceiros para fortalecer a Cultura do Cuidado

Foto

A partir do compromisso de fortalecimento da cultura institucional do cuidado, assumido pelo Colégio Santo Inácio (CSI) junto à sua comunidade educativa, em 9 de julho de 2020, deu-se início ao trabalho de construção de uma rede de parceiros que possam contribuir para os avanços necessários. Coordenado por um Grupo de Trabalho denominado GT Temas Sensíveis, a iniciativa vem sendo desenvolvida em etapas. A primeira delas foi identificar temas e parceiros em instituições sociais e da Igreja. Na última segunda-feira, 31 de agosto, foi realizado o primeiro encontro virtual com representantes de movimentos, coletivos e instituições.
 
Participaram da reunião lideranças de movimentos ligados a diferentes aspectos de combate ao racismo e luta antirracista: Criando crianças pretas, Com por pretas e Instituto Black Bom. Também estiveram representados no encontro, a OAB Mulher, o Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (CEASM), o Movimento Fora do padrão e os coletivos feministas formados por alunas atuais, Medusa, e por antigas alunas do CSI, Inaiá.
 
Os convidados conheceram a caminhada que o Colégio vem fazendo nos últimos meses para fortalecer a conexão com temas relevantes para a sociedade e para a formação de seus estudantes em todos aqueles temas que envolvam o respeito à dignidade humana e à diversidade. Também foram convidados a compartilhar com a equipe do CSI, proposições de projetos que possam ser desenvolvidos conjuntamente e envolvam toda a comunidade do Colégio. A partir das propostas que deverão ser apresentadas até o dia 14 de setembro, serão planejadas as atividades que darão início ao Projeto Cultura do Cuidado, ainda no mês de outubro.
 
“Foi um encontro muito importante para a nossa caminhada, reunindo movimentos e instituições com vivências consistentes e propostas relevantes para que a sociedade avance no tratamento das diferenças e amadureça de forma a banir o preconceito e o desrespeito da relação entre as pessoas. Pontos esses que têm grande convergência com a proposta da educação inaciana e os compromissos sociais de uma instituição educacional. Saímos do encontro com muita esperança de parcerias que nos ajudem a avançar”, afirma Jonas Diego, coordenador do GT Temas Sensíveis do Colégio Santo Inácio.  
 
Pelo CSI, participaram da reunião: a orientadora educacional, Sabrina Lins Bonfatti, a coordenadora pedagógica do EJA, Lucimar Adão, a coordenadora de série, Márcia Aparecida Tinoco Pereira e o coordenador de formação cristã, Jonas Leandro Diego.