Notícia - Live sobre cidadania digital e relação saudável com a internet

Foto

Live sobre cidadania digital e relação saudável com a internet

 

“Como posso ajudar meu filho a estabelecer uma relação mais saudável com a internet?” foi o tema da primeira live do ano, realizada da última terça-feira (22/02), através da página do CSI no Instagram. Mediada pela orientadora educacional Ana Cristina Lemos, a transmissão teve como convidado Rodrigo Nejm, que é psicólogo e diretor de Educação da ONG SaferNet Brasil, organização não governamental que promove os direitos humanos na internet.

 

Durante a live, o especialista destacou que, mesmo sem ter tantas habilidades tecnológicas, cabe aos pais ensinar os filhos a terem senso crítico, discernimento e noções de ética, para que os jovens possam avaliar as situações e agir da melhor forma no mundo virtual. “Precisamos desenvolver algumas habilidades para que tenhamos liberdade de maneira responsável e segura dentro do nosso ambiente de vida. Isso vale totalmente para a internet", frisou o psicólogo. 

 

Os jogos on-line também estiveram no foco da conversa. Rodrigo explicitou a importância lúdica dos jogos no desenvolvimento das capacidades motoras e cognitivas de crianças e adolescentes. Mas ressaltou que os pais devem, em primeiro lugar, conhecer este “novo mundo” para indicar aos filhos os riscos do ambiente virtual e as maneiras de evitá-los, além de orientar os pequenos corretamente na escolha das opções adequadas para cada faixa etária. O psicólogo lembrou que os jogos têm a indicação de idade, que pode ser consultada nas lojas de aplicativos.

 

O diretor de Educação da Safernet alertou para a importância da responsabilidade digital. “Cada vez mais, nossa reputação mora nos rastros digitais. O que os meninos fazem hoje no Instagram, os grupos a que pertencem no WhatsApp, os vídeos que produziram no Roblox, os rastros que deixaram nos jogos passam a ser dados materializados em memória digital, usados até em processos de seleção de emprego. Minha presença digital vale como avaliação de crédito e pode ser usada em processos judiciais”, exemplificou.

 

“Uma agressão que eu faço num chat de um jogo pode ser gravada ou printada e eu passo a ser responsável por essa presença digital. Uma violência que pode ter repercussão legal”, advertiu Rodrigo. 

 

O psicólogo também deu dicas práticas de como redobrar a segurança nos apps e redes sociais para resguardar informações pessoais. 

 

A live “Como posso ajudar meu filho a estabelecer uma relação mais saudável com a internet?” é uma das múltiplas ações que o CSI está promovendo sobre cidadania digital, que é o tema da Cultura do Cuidado neste primeiro trimestre. Nas aulas e em outras atividades pedagógicas, os estudantes vão trabalhar esse assunto de diversas maneiras. 

 

A transmissão está disponível no Instagram do Colégio (@colegiosantoinaciorj) ou clicando aqui

 

Como material de apoio sobre o tema abordado na live, encaminhamos um artigo produzido pela SaferNet sobre o tempo de uso das redes e a mediação parental. Para acessar, clique aqui.